• Mix Clean

Antes de comprar um sofá de couro, saiba como conservá-lo!

Atualizado: Jul 7




Algumas dúvidas surgem na hora de comprar um sofá. A primeira é quanto ao modelo e a segunda, naturalmente, se será em tecido ou couro. Mas antes de se decidir pelo último, é bom buscar informações sobre como conservar o couro, o que fará com que o sofá dure muito mais tempo. José Reynaldo de Souza, que trabalha com manutenção e reformas de sofás em geral, aconselha a evitar se sentar ou deitar com o corpo sujo e não deixar cair no estofado restos de comidas e líquidos.


“O ideal é evitar comer e beber sentado no sofá, pois isso sempre causa algum transtorno. É sempre bom lembrar que algumas bebidas ou determinados tipos de gordura podem manchar o couro. Outra boa dica é aspirar o assento e embaixo dele. Faça isso uma vez por semana, pois evitará a proliferação de bactérias e fundos, gerados pelo calor do próprio corpo”, aconselha o especialista.


José Reynaldo garante que a melhor maneira de conservar o sofá de couro é hidratá-lo. Caso a pessoa não entenda ou não queira fazer esse tipo de serviço, o melhor é contratar alguém especializado que poderá fazer uma manutenção e, assim, hidratar o couro a cada oito meses ou uma vez por ano. “De preferência, a cada oito meses. Fazendo isto, evitará que surjam rachaduras, descamações ou trincas, além de manter o couro sempre macio e com brilho.”


O especialista explica que podem ser usados ceras, graxas incolores especiais para móveis de couro, hidratantes ou até mesmo lustra-móveis, caso esses sejam à base de silicone. “A graxa feita para engraxar sapatos ou casacos de couro nem sempre servirá para o sofá, por isso é preciso consultar alguém especializado, pois o uso de produtos indevidos poderá causar sérios donos ao produto, muitos até irreversíveis”, alerta. Ele aconselha a ler os rótulos dos produtos antes de usá-los ou consultar um profissional que entenda do assunto.


É importante limpeza e hidratação frequente do sofá para que ele se conserve belo por muito tempo

José Reynaldo alerta também para não deixar o sofá de couro exposto ao sol, pois isso poderá ressecá-lo, além de trazer outros tipos de estragos. “Basta evitar colocá-lo próximo de janelas ou então deixar sempre a cortina fechada para que o Sol não estrague o mesmo após uma exposição prolongada ou diária. Outra opção é colocar algum tipo de manta que cobrirá o couro, evitando o ressecamento. No caso de sofás de couro liso também é importante evitar produtos que possam causar estrago, como ranhuras ou cortes.”


Caso o sofá seja de couro liso, a limpeza é mais simples, bastando usar sabão ou sabonete com amaciante ou mesmo um pano úmido com água de detergente umedecido em solução de 50ml de vinagre e álcool para três litros d' água. “Mas o ideal é usar um pano umedecido com água e detergente. Se o couro for sintético, usar apenas água e sabão neutro. Esfregue com uma escova e posteriormente passe um pano úmido para retirar o sabão.


José Reynaldo lembra também que caso o sofá seja de couro natural, é preciso identificar a que grupo ele pertence. “É preciso observar se ele pertence ao grupo dos couros anilinados, camurça, couro cru ou nobuque, ou dos pigmentados, no caso os lisos. “No caso da limpeza do couro anilinado, use uma escova seca e macia e, em seguida, um aspirador de pó. Pode-se usar também um pano de algodão que esteja umedecido em uma solução de 150ml de álcool em três litros d'água. Porém, aconselho que a pessoa contrate um profissional especializado e idôneo, que poderá cuidar, com certeza, muito bem do seu sofá.